Mini Imagine - Zayn Malik

quarta-feira, dezembro 11, 2013 | | |


 Estojo... Cadernos... Livro de matemática, biologia e história. É, já peguei tudo para as últimas três aulas. Fechei a porta do meu armário, o trancando. Ouço risadas, aquela risada.

 Zayn Malik e sua turma passando pelo corredor. Claro que são notados por todos, são populares. Eu nem ligaria para esses idiotas, sim, IDIOTAS. Bem... Menos Niall, Louis, Harry e Liam, que são bem legais, já os outros... Só porque são populares, bonitos, e a maioria joga no time de futebol, se acham os tals e vivem zoando os "menos populares".

 Mas não... Sou apaixonada pelo Senhor Malik. Por aqueles olhos castanhos mel, aquele charme irresistível, aquele sorri branco que abre portas...

 Ai, CHEGA! PARA! Lá vou eu de novo. Uma boba apaixonada, do jeito que eu sou, deve ter até baba caindo. Limpei o canto da boca, só para prevenir. Acabo deixando tudo que estava em meus braços, cair.

Eu: Droga! É nisso que dá ficar sonhando acordada que nem uma tonta! - resmunguei baixo, para mim mesma. Me agachei para recolher meu material.

 Zayn nunca ia me notar. Olha só pra mim! Uma nerd desastrada - pensava com amargura.

xX: Oi? - meu coração parou. Olhei levemente para cima e levanto rapidamente, ao ver quem era.
Eu: O-oi - quase que não saiu.
Zayn: Seu nome é Seunome, não é? (isso ficou meio engraçado "Seu nome é Seunome" kkkkkk' ok, parei)
Eu: Sim.
Zayn: Poderia me emprestar o livro de matemática?
Eu: Agora? É que tem aula...
Zayn: É coisa rápida. Por favor? - ai, como ele pode ser tão lindo? Acho eu que é a segunda vez que ele fala comigo.
Eu: Tudo bem - peguei o livro e o entreguei.
Zayn: Valeu - piscou e saiu. Fiquei ali, derretida.


 Será que ele tinha esquecido o livro dele? Ah, quem liga? O Zayn falou comigo!


xX: Oi, amiga - olhei pro lado e era Vicky, a minha melhor amiga.
Eu: Oi, Vicky - sorri.
Vicky: Aqui o seu caderno de anotações.
Eu: Era só me entregar na sala - falei o pegando.
Vicky: Não, ele serviu como desculpa pro Jack pra mim vir aqui falar com você - ri. Jack é o namorado dela, nós duas passamos o intervalo juntas, mas no final do mesmo, ela fica um pouco com ele.
Eu: Por quê?
Vicky: Você acha que eu não vi, hein? - me cutucou com o cotovelo. - Você e o Malik conversando.
Eu: Aquilo não foi nada. Ele só queria um livro emprestado - baixei a cabeça.
Vicky: Só isso? E você não falou mais nada? Só entregou o livro pra ele? - eu assenti. - Ai, Seunome! - passou a mão na testa. - Às vezes você é uma tonta mesmo! Estava aqui com um gato desses e nem pra puxar assunto!
Eu: E você queria que eu falasse o quê?
Vicky: Olha, amiga - passou o braço pelos meus ombros. - Eu vou pegar você, e fazer uma transformação, que todo mundo vai babar! Você vai parecer a Megan Fox.


Eu: Ai, Victória... Só você - disse rindo.
Vicky: Você é linda, Seuapelido. Só precisa se arrumar direito.
Eu: Tudo bem, Vicky. Mas é melhor você ir. Jack já está te procurando - ri ao vê-lo vir na nossa direção.
Vicky: Ih, é mesmo. Até daqui a pouco, baby - me deu um beijo na bochecha e foi de encontro com o namorado.
Eu: Tchau - dei um suspiro e fui pra sala.

~Zayn Pov~

 Fui para o refeitório, mesmo com o sinal já tendo batido. Eu sempre chego atrasado mesmo. Eu estava batucando no livro de matemática da Seunome. Na verdade eu só peguei pra poder falar com ela. Eu a acho uma menina bonita, só precisa se arrumar melhor. E também queria ver por debaixo daqueles óculos... Mas ela deve me achar um idiota, que só quer se divertir com as garotas, um galinha. É claro que eu quero me divertir, mas não sou tanto assim, sou?

 Cheguei na mesa onde estavam alguns dos meus amigos. Os "atrasildos" também.

Léo: E aê, Zayn? - nos cumprimentamos com um toque.
Max: E isso aqui? - pegou o livro das minhas mãos.
Eu: Me devolve - disse sério, mas ele se esquivou.
Max: Olha... - o folheou. - Pegando os livros dos nerds? Por que não nos chamou? - ele e os outros riram. - A nerdizinha não vai gostar de ver que um livro sumiu - zombou e riram de novo.
Eu: Cala a boca! Pelo menos no final do ano ela vai estar livre, enquanto você vai ficar de recuperação - peguei o livro e sai.

 Ouvi os outros fazerem um coro de "uhhhh". Não sei por que ando com esses caras. Eu gosto de zoar, mas quando eles levam pro lado pessoal... Eu já não gosto.

 Entrei na sala, o professor ainda não tinha chegado. Avistei a Seunome sentada na primeira carteira, como sempre.

Eu: É... Obrigado - coloquei o livro em cima de sua mesa. Ela apenas sorriu.

 Com o tanto que pegam no pé dela, ela deve ficar tímida - pensei. E fui me sentar no meu lugar.

~Seunome Pov~

 O sinal para ir embora, tocou. Recolhi todas as minhas coisas e me despedi da Vicky e do Jack. Olhei na direção dele. Ele me viu e deu um sorriso.


 Ai, Seunome, para com isso. É coisa da sua imaginação. Alguém que ele conhece deve estar atrás de mim e...

 Parei com esses pensamentos, fui até o meu armário guardar algumas coisas, para não levar peso na mochila. Ai não. Lá vem a Esthefany e suas amigas.

Esthefany: Olha só... A coisinha sem sal - disse parando na minha frente. A ignorei e coloquei um livro no armário. Ela fechou o mesmo com brutalidade, me dando um susto. - Acha que sou menos importante que os seus livros? - uma das amigas delas bateu no meu braço e eu deixei tudo cair.
Liam: Ei! - se aproximou. - Esthefany, deixe a menina em paz.
Niall: É. O que ela fez pra você? - pegou as minhas coisas do chão.
Esthafany: Ai... Agora vão defender ela? - revirou os olhos.
Liam: Ela te fez alguma coisa? Não? Então, vai - gesticulou com a mão. Ela bufou e foi embora com suas seguidoras. - Tudo bem?
Eu: Claro. Obrigada - ele sorriu. Niall me entregou as coisas - Obrigada - sorri.
Niall: Disponha - sorriu. - Tchau.
Eu: Tchau - sorri. Eles saíram e acenaram pra mim do final do corredor.

 Peguei minha mochila, bufei. Eu não suporto essas meninas, por que que elas tem que mexer logo comigo?

 Já estava a uma certa distância da escola, quando sou parada novamente pela Esthefany.

Eu: Esthefany, me deixa em paz, por favor! - revirei os olhos.
Esthefany: Me desculpe, querida. Mas seus defensores não estão aqui agora - sorriu falso. Quando eu ia protestar, aqueles garotos idiotas, aparecem.
Max: Decidimos fazer uma surpresa pra você - sorriu com malicia. Só que malicia de maldade. - Talvez você não goste tanto quanto nós - olhou pra Esthefany, que sorriu.

~Zayn Pov~

 Estava saindo da escola, quando escuto uma conversa entre Harry e Louis. Me aproximo para perguntar.

Eu: O que tá acontecendo?
Louis: Max, Esthefany e a turma deles vão aprontar. Se não aprontaram...
Eu: Como assim?
Harry: Eu ouvi eles falando que vão fazer uma brincadeirinha com alguém. E se eu escutei direito, é de muito mal gosto. Acho que eles iriam pegar a pessoa levar pra um lugar, e sem as roupas.
Eu: Que bando de otários - revirei os olhos.
Louis: Vish... Eu os vi indo atrás da Seunome...
Eu: O quê? Por onde eles foram?
Harry: Por ali.

 Fui correndo na direção que ele apontou. Vi Léo conversando com uma menina, encostado no muro.

Eu: Léo - o chamei. Quando ele chegou perto, o peguei e coloquei contra a parede.
Léo: Tá doido, Zayn? O que foi? - perguntou assustado.
Eu: Cadê o Max? - ele hesitou. - Fala! - pressionei mais.
Léo: Foi com a Esthefany, esconder as roupas da Seunome.
Eu: Onde? E onde ela está? É melhor falar! - disse ameaçador.
Léo: Não onde estão. E a garota está naquele casebre abandonado, na rua atrás da escola.

 O larguei e saí andando a passos pesados e apressando, até a rua atrás da escola. Assim que virei esquina, avistei os dois rindo. Me aproximei.

Eu: O que vocês fizeram com as roupas da Seunome?
Max: Já está sabendo da nossa brincadeirinha com a nerdizinha? - riu. Serrei os olhos.
Esthefany: Estão bem ali, penduradas naquela árvore - apontou. - Pra todo mundo ver as roupas cafonas que ela usa - riu com deboche.
Eu: Vocês passaram dos limites - passei entre os dois, esbarrando de propósito.

 A uns metros, numa árvore grande, estavam as roupas da Seunome. As recolhi, e segui até uma casinha abandonada, em meio a algumas árvores por ali.

~Seunome Pov~

 Não acredito que aqueles idiotas fizeram comigo! Max e os amigos dele me trouxeram a força pra cá, e Esthefany e as amigas tiraram toda a minha roupa, até as íntimas! E ainda por cima as levaram...

 Lágrimas começaram a escorrer pelo meu rosto.


Por que comigo? - repetia para mim mesma. Agora estou aqui nessa casinha imunda, cheia de tralhas! Que na verdade era um cômodo só. Estava esfriando. Achei um lençol dentro de uma das caixas e me enrolei nele.

 Alguém minutos depois, a porta da frente é aberta e fechada com um rangido.

xX: Seunome? - ai meu Deus! Era ele! Com certeza veio ver a nerd desastrada e zoar. - Você está aqui? - ele não me via porque eu estava escondida atrás de uma espécie de estante, eu acho... E ela estava coberta com um pano cheio de poeira.
Eu: Vai embora - disse com a voz embargada pelo choro. Ouvi seus passos e senti sua presença se aproximando.
Zayn: Está tudo bem? - ele estava do lado contrário da estante.
Eu: Oh... Tô uma beleza - disse irônica.
Zayn: Eu quis dizer se eles não fizeram mais nada com você, se te machucaram?
Eu: Não... Mas acredite, isso dói - chorei mais e funguei.


Zayn: Você está chorando? Não chore, por favor.
Eu: O que você quer, Zayn? Veio zoar a nerdizinha? - disse com rancor.
Zayn: Escute... - deu um suspiro. - Pode parecer mentira, mas eu nunca gostei que te zoassem. Bem, eu nunca zoei ninguém a esse ponto. Os caras até me zoavam por pedir para pararem de mexer com você.
Eu: Agora escute você, Zayn. Se veio por pena, por dó. É melhor ir embora. Não quero que as pessoas se aproximem de mim por piedade.
Zayn: Não, eu não vim por isso. E pra você acreditar, eu vou confessar... Sempre achei fofo esse sei jeito desajeitado - bufei. - É sério. Você pode ser distraída - mal você que essa "distração" é você, pensei. -, mas é inteligente, e pelo que vejo com a sua amiga, Vicky, é divertida. Posso ir ai te ver?
Eu: Ahn ahn! - apertei o leçol contra meu corpo.
Zayn: Ah é. Me desculpe.

 Do lado da estante, apareceu um braço, com as minhas roupas nas mãos. Me aproximei e espiei pela quina. Zayn tapava os olhos com a outra mão. Ri, peguei as roupas, voltei pra trás da estante e me vesti. Só estava faltando os meus óculos. Na verdade, eu nem preciso deles direito. Só uso porque acho que combina com o meu "estilo".

Eu: Zayn, você viu o meu óculos? - parei ao vê-lo sentado numa das caixas, rodando o mesmo na mão. Ele veio em minha direção e fez menção de coloca-los em mim, mas parou antes.
Zayn: Nunca tinha notado direito os seus olhos por debaixo desses óculos - ele me encarava olho no olho.
Eu: Não tem nada de mais - corei, dando de ombros.
Zayn: Claro que tem. Eles tem um brilho especial - colocou uma mexa do meu cabelo, atrás na orelha.

~Alguns dias depois~

Zayn: Está pronta? - olhou pra mim.

 Depois do dia no casebre, Zayn conversou com a Vicky e, ela toda animada, fez a tão sonhada "transformação" em mim. Quero dizer... Não mudei totalmente o meu estilo. Continua o mesmo jeito simples, só que mais arrumada, com roupas novas e mais bonitas, e um pouco descolado, se posso dizer assim, e não usava mais os óculos.

 Vicky também me ensinou a fazer maquiagem e penteados. Zayn fez questão de nos levar para o shopping e lojas de rua. Só não carregou muitas sacolas, ele disse que não era o forte dele (risos).

 Dei um suspiro e assenti. Agora todos na escola iram me ver com o "novo visual". Ele entrelaçou nossas mãos e nós entramos. Acho que esqueci de dizer, né? Zayn me pediu em namoro. Pois é, a nerd apaixonada está com o badboy.

 Várias pessoas nos olhavam. Acho que é mais pelo fato de eu estar com o Zayn. Max e o seu grupo se aproximaram. Suspirei fundo.


Max: Olha só em quem a na nerdizinha se transformou - Zayn revirou os olhos.
Léo: Evoluiu desde aquele dia, hein?
Max: Devíamos ter feito aquilo a mais tempo - me olhou de cima a baixo.
Zayn: Ela não é pokemon pra evoluir, e aquela "brincadeira", só provou o quão idiotas vocês são. Agora, só observem - nos viramos, mas ele voltou. - Ah não. É melhor nem olharem pra "nerdizinha", ela não pro bico de vocês e já tem namorado - me abraçou de lado e fomos em direção ao refeitório.
Eu: Eu não sou pokemon? - ri da piada esfarrapada dele.
Zayn: Você sabe...Posso perder os amigos, mas não perco a piada - rimos. No refeitório, estavam nossos amigos.
Vicky: Amigaaaaaa! - me abraçou.
Louis: Zayn ganhou na loteria - o mesmo o olhou com os olhos serrados, mas rimos.
Liam: Está linda, Seunome - sorriu.
Harry/Niall: Está mesmo.
Jack: Mais linda do que já era. Se me permite dizer - olhou pra Vicky.
Vicky: Ok. Só dessa vez - rimos. Zayn me puxou pro jardim.
Zayn: Vamos aproveitar agora - começou um maravilho beijo. Mas ai... O sinal pra aula toca. - Ahhhh não! - resmungou e eu ri.
Eu: Vamos, você sabe que não gosto de chegar atrasada na sala - o puxei, mas ele parou.
Zayn: Só mais um? Um beeem rapidinho? - me olhou com cara de cachorro sem dono, fazendo bico.



Eu: Ok, só mais um - disse rindo e o beijei.


:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

Hii girls!
Desculpa se eu demorei pra postar, é que estava escrevendo
uma parte hot :3 pra minha outra fic e minha mãe apareceu
no quarto. Ai já viu, né?
Imagine postado, espero que gostem. Postei do Zayn porque
vi que aqui no blog não tinha um dele e do Louis.
Então, quando minha criatividade estiver bem na ativa,
eu posto um do Boo. Fechou?
Bjão.

23 comentários:

  1. continuuuuuuuuuuuuuuuuaaaaaaaaaaaaa by: lou

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente não tem continuação, a não ser que a criatividade bata na porta haha' :D

      Excluir
  2. Ja tinha liso mas foi como se fosse a primeira vez

    ResponderExcluir
  3. Eu amei fas um pra mim do liam por favor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você vai querer algo em específico? (Ex: colegial, criminal, triste...)

      Excluir
    2. Sim pode ser tipo ela é a popular e ele é o nerd tabom meu nome é Danieli ta lianda bjs

      Excluir
  4. Li pela segunda vez, e chorei pela segunda vez hahaha, ficou top.
    Xxx Lara

    ResponderExcluir