Criminal - Capítulo 1

quarta-feira, outubro 29, 2014 | | |
1. 

"O amor não prospera em corações que se amedrontam com as sombras."

- William Shakespeare



NARRADORA 



 Eram 4h00 da manhã, fria e chuvosa de Outono. Corria a última vitima de Malik o mais rápido possível. Uma pobre menina que não tinha onde cair morta, despertou sentimentos em um psicopata e aqui ela está. Sabendo que a qualquer momento uma bala pode atravessar seu crânio.

Corria mesmo sentindo frio. Corria mesmo sabendo que não adiantaria, ela corria de seu próprio amor. Afinal o que é o amor? Alguns dizem que é uma metáfora, outros dizem que é a melhor coisa de todo o universo.

Mais para a jovem Seunome, o amor é algo completamente insignificante que fazem todos e tudo sofrerem. Para ela, o amor não é absolutamente nada. Pensava isso enquanto corria descalça apenas com a roupa do corpo e cabelos molhados.

Há alguns dias atrás, ela poderia se considerar a pessoa mais feliz do mundo. Mais não agora. Enquanto corria, se lembrou das mentiras e de todo o ódio que ela sentia. ''Eu sou uma idiota!!'' gritava consigo mesma enquanto tentava enxergar algo através da escuridão.

Tudo fazia sentido, todas as coisas, as palavras, o beijo. O BEIJO!
De repente, Seunome sente seu corpo flutuar e quando se da conta, está caída sobre um chão molhado de concreto que raspa em sua pele, tenta se levantar, mais sente que seu corpo pesa toneladas. Está machucada e diante dele.


                                    FLASH BACK ON 



Newton. Uma bela cidade, mais ás vezes parece tão pequena diante de olhos desconhecidos, o que mais gosto é o frio, em dias chuvosos como estes eu costumo nem sair de casa. É quase como um ritual diário, depois do trabalho passar horas e mais horas assistindo Kolchak: The Night Stalker ou Supernatural, sempre fui apaixonada por séries envolvendo demônios e criaturas malignas, acho que assim me identifico um pouco com a realidade, afinal nada é um conto de fadas.

Me mudei há 1 ano para Newton, nasci verdadeiramente em Dallas no Texas. Sim, você deve está pensando ''Que tipo de pessoa se mudaria de Dallas para Newton?'' Pessoas como eu. Minha infância foi bem problemática devido meus pais ainda adolescentes terem se separado quando eu ainda tinha alguns meses de vida. Pouco antes dos meus 15 anos, minha mãe me abandonou junto com meu irmão mais novo Isaac que fomos adotados por meus avós paternos. Meu pai, um tirano, doente e nazista foi preso e se suicidou na cadeia. Uma vida bem conturbada não acha? Quando completei 19 anos, terminei meus estudos e me mudei para New York, onde eu vivi até os meus 20 anos e me mudei para Newton, Isaac morreu de câncer tempo depois de eu me mudar do Texas.

E todo dia 25 de Abril eu vou até o cemitério onde ele está enterrado e deixo um par de chuteiras douradas em seu túmulo, ele sempre sonhou em ser jogador de futebol e nunca consegui realizar seu sonho. Sabe as vezes me culpo por não ter tido muito tempo com Isaac, ele era apenas um jovem quando morreu dessa doença maldita. Me perdoe Isaac, eu te amo! 

A brisa gélida continua a bater contra minha pele assim que me sento no sofá com meu café em mãos e o bebo olhando em volta da enorme casa onde estou, talvez eu pinte a parede e faça um desenho bem bonito para esconder a tristeza que existe aqui. Assim que me levanto sigo para o quarto dos fundos e recolho algumas latas de tintas.

Já viu o filme ''Como se Fosse a Primeira Vez''? Eu realmente amo os personagens Lucy e Henry, eles são tão apaixonantes, e apesar de ser uma história linda e inspiradora. Esse é meu filme favorito e decido fazer um desenho deles, é o ambiente perfeito para fazê-lo. Primeiro começo cobrindo os poucos moveis que eu tenho e é claro um avental de pintura para mim. Para pintar eu escolhi minha cena favorita Henry tocando violão para Lucy, é quando ele se dá conta de que está perdidamente apaixonado, e eles tem a primeira noite. O jeito como eles se olham, isso é apaixonante.

Enquanto pinto os cabelos loiros de Lucy, observo alguns caminhões de mudança bem em frente a casa dos Waters (meus vizinhos da esquerda). Abano a cabeça enquanto ando até a porta. Abro a mesma e me deparo com um homem, ele encara os sapatos e logo depois levanta o seu olhar para mim, aqueles olhos são como uma perdição. Os cabelos negros dele formam um topete meio desajeitado e sua pele tem uma coloração azeite. Suas roupas são pretas e seus lábios estão umedecidos com um cigarro dançando entre seus dentes.

- Olá. Talvez ainda não me conheça, sou Zayn Malik, seu novo vizinho. Passei aqui mais cedo, mas parecia não ter ninguém em casa então não quis incomodar. - Ele diz me encarando com um sorriso nos lábios, sua voz está em um timbre calmo e um pouco rouco.

- Sou Seunome Wells, sim, eu fui comprar tintas. - Talvez ele já tenha percebido a pintura bem atrás de mim, mais eu não me importo, só quero encarar aqueles lindos olhos jabuticabas caramelados. - Então, onde vai morar? -Talvez eu já saiba a resposta, mais só queria ouvir mais ainda aquela voz.

- Bem ali, na sua esquerda. - Ele aponta para a casa dos Waters.

O silencio é o que permanece no local até que ele se meche desconfortável encarando minha pintura.

- Aqueles são Lucy e Henry? - Ele tira o cigarro da boca e aponta com o mesmo para a parede logo atrás de mim. Faço que sim com a cabeça e ele sorri de lado voltando com o cigarro nos lábios. - Você pinta muito bem, Seunome.

- Obrigada!

- Bom não vou mais incomoda-la, você parece está ocupada. Mesmo assim foi um prazer. - Ele se vira e vai embora, mais antes de cruzar a rua se livra do cigarro e sorri para mim mais uma vez.

Adeus, Zayn Malik. Até breve!

                                          CONTINUA ... 

Oi meninas <3 Tive que fazer muitas e muitas pesquisas sobre  Newton que quase eu nem conhecia, espero que tenham gostado. Eu sei que vocês querem me matar por ter feito vocês esperarem quase 2 meses ... Mais eu tive alguns probleminhas pessoais e para me manter presente eu postei alguns imagines vcs viram?
Meu tt: @ToledoLizz 
Até mais minhas lindas!!





Liam e Niall juntos são piores que crianças!

7 comentários:

  1. Mais poxa Liz, ficou tão pequeno :-(
    Mais pelo oque eu li ficou perfeito viu, não demore mais muito tempo para postar, voce quase me enlouqueceu kkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mari, cara eu tava morrendo de saudades<3 Vc ta bem minha liamda?? Desculpe pelo capítulo tão pequeno kkkk, é que eu to um pouquinho sem inspiração e quando vem é assim! Ty Love e obg por me acompanhar e desculpe por quase te enlouquecer kkk Xau!!

      Excluir
  2. Mais poxa Liz, ficou tão pequeno :-(
    Mais pelo oque eu li ficou perfeito viu, não demore mais muito tempo para postar, voce quase me enlouqueceu kkkkk

    ResponderExcluir
  3. Continua vai pelo amor de Deus

    ResponderExcluir
  4. #CHORAAZINIMIGA QUE A LIZ TA NA AREA <3 MEU DEUS! QUE CAPITULO MAIS LACRANTE! SIMPLESMENTE AMEI *---*
    XX: Lari
    PS: Desculpa pelo caps, é que eu precisava demonstrar a minha emoção
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. LARII <3 #CHORAAZINIMIGA KKKKK, obg fofa <3 Muito obrigada mesmo, só vcs para me fazerem feliz nesses momentos kkk!

      PS: Caps Loock é vida baby!

      Excluir